"A palavra é o meu domínio sobre o mundo". Clarice Lispector

quarta-feira, 13 de setembro de 2017

Levantamento Bibliográfico


PLANEJAMENTO, IMPLEMENTAÇÃO E GESTÃO DA EAD

Disciplina: Metodologia do Trabalho Científico

Coordenadoras: Vera Werneck e Cely dos Santos Araujo
Tutora: Andréa Paula Osório Duque

Área 3: Ambientes Virtuais e Mídias de Comunicação

Grupo 2:        Rosana Sales de Jesus (Coordenadora do Grupo)
Ana Cristina de Araujo Noguerol
Paulo Gonçalves de Jesus
Raquel Monteiro Alberto Moraes
Rita Barboza Freire


LEVANTAMENTO BIBLIOGRÁFICO

ALEGRETTI, Sonia Maria Macedo et al. Aprendizagem nas redes sociais virtuais: o potencial da conectividade em dois cenários. Disponível em: <http://revistacontemporaneidadeeducacaoetecnologia02.files.wordpress.com/2012/04/pucsp_2012.pdf>. Acesso em: 18 abr. 2014.
ALMEIDA, Maria Elizabeth Bianconcini de. Educação a distância na internet: abordagens e contribuições dos ambientes digitais de aprendizagem. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/ep/v29n2/a10v29n2.pdf>. Acesso em 16/04/2014.

Os potenciais pedagógicos e comunicacionais do Facebook (Micro curso)


IES: Universidade Federal Fluminense
Especialização em Planejamento, Implementação e Gestão de EAD
Disciplina  Gestão de Cursos a Distância::Tarefa da semana 6
Rosana Sales de Jesus
PIGEAD/ grupo 08
Polo de apoio presencial Nova Iguaçu
Rodolfo Gregório de Moraes
dezembro/2013


Tema do micro curso:

OS POTENCIAIS PEDAGÓGICOS E COMUNICACIONAIS DO FACEBOOK 

JUSTIFICATIVA:
Vivemos um momento em que as relações cumprem determinados protocolos sociais: indivíduos, grupos ou turmas exercem seus papeis, considerados aceitáveis por seus pares, dentro de um determinado ambiente. Entretanto, no mundo virtual, as diversas possibilidades de uso, favorecem a quebra de alguns paradigmas, fato novo em nossa sociedade. 
Atualmente há um menor número de restrições devido à disponibilidade de novas ferramentas de comunicação e de coordenação, o que possibilita pensarmos em novas formas de organização dos grupos humanos, com estilos de relações entre os indivíduos e os coletivos radicalmente novos, situação sem modelos na história e nas sociedades animais.
(LÉVY, 2003, p. 132)

Percebemos que os softwares sociais propiciam formas diversas de comunicação, onde podemos interagir, compartilhar e produzir conhecimento. Adolescentes, jovens e adultos constituem-se atores desses ambientes e os professores, não podem abster-se de conhecer os usos que são produzidos nesses meios.

Análise dos portais do CAPES e MEC


Gestão de Cursos a Distância:: Tarefa da Semana 1
Aluno: Rosana Sales de Jesus
Grupo: 08
Tutor: Rodolfo Gregório de Moraes
Polo: Nova Iguaçu


Para esta atividade, escolhemos analisar, nos portais do CAPES e MEC, respectivamente, o Programa de Mestrado Profissional em Letras e o Programa Nacional de Tecnologia Educacional.
No CAPES, encontramos  o Programa de Mestrado Profissional em Letras (Profletras), que tem como meta capacitar professores graduados em Letras que sejam docentes da Rede Pública de Ensino Fundamental. É um curso semipresencial pelo sistema UAB(Universidade Aberta do Brasil). As ações desenvolvidas no Profletras objetivam o aumento da qualidade de ensino dos alunos do nível Fundamental, a redução das taxas de evasão, o desenvolvimento da competência leitora através do conhecimento de teóricos da educação, diferentes gêneros discursivos e tipos textuais nas práticas de leitura e escrita, a qualificação para desenvolver no aluno competências comunicativas em ambientes virtuais e a instrumentalização dos docentes de ensino fundamental para que estes elaborem material didático inovador e de acordo com os recursos tecnológicos existentes atualmente

Os potenciais pedagógicos e comunicacionais do Facebook.


IES: Universidade Federal Fluminense
Especialização em Planejamento, Implementação e Gestão de EAD
Disciplina  Gestão de Cursos a Distância::Tarefa da semana 5
Rosana Sales de Jesus
PIGEAD/ grupo 08
Polo de apoio presencial Nova Iguaçu
Rodolfo Gregório de Moraes
dezembro/2013


Tema do curso:

Os potenciais pedagógicos e comunicacionais do Facebook.        

Justificativa:
Vivemos um momento em que as relações cumprem determinados protocolos sociais: indivíduos, grupos ou turmas exercem seus papeis, considerados aceitáveis por seus pares, dentro de um determinado ambiente. Entretanto, no mundo virtual, as diversas possibilidades de uso, favorecem a quebra de alguns paradigmas, fato novo em nossa sociedade. 
Atualmente há um menor número de restrições devido à disponibilidade de novas ferramentas de comunicação e de coordenação, o que possibilita pensarmos em novas formas de organização dos grupos humanos, com estilos de relações entre os indivíduos e os coletivos radicalmente novos, situação sem modelos na história e nas sociedades animais.
(LÉVY, 2003, p. 132)

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Motivações que funcionaram

          O que nos leva a procurar aprender, pesquisar, buscar conhecimento e como podemos motivar o aluno a estudar em alguns ambientes tradicionais, sem estímulo à pesquisa, à curiosidade, à valorização de conhecimentos que ele já detém?
           As duas motivações internas que funcionaram para eu fazer este curso de PIGEAD são respostas às minhas indagações. Minha 1ª motivação interna é dar continuidade aos estudos que reiniciei em 2010, depois de um longo tempo de afastamento. Redescobri o prazer de aprender e agora, no PIGEAD, através das tarefas, sinto a necessidade de transpor os desafios propostos, agregando sempre novos conhecimentos.
          A 2ª motivação interna é que a cada semana o meu interesse cresce em acompanhar os depoimentos dos colegas, o que me motiva a sempre arranjar um tempo para entrar no AVA,trocar ideias , participar das discussões,aprender de forma autônoma, mas em contato constante com os meus pares e suas itinerâncias formativas.
          As três motivações externas que funcionaram para eu fazer este curso de PIGEAD estão ligadas ao fato de que estarei em poucos meses aposentada e em condições de continuar na ativa.
         

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Ambientes virtuais: possibilidades e desafios educacionais

Para a defesa do Trabalho Final de Curso, elaboramos um Poster seguindo a proposta do PIGEAD – LANTE – UFF( 2013/2015). O Trabalho Final de Curso (TFC) foi realizado parte em grupo e parte individualmente. As partes coletivas foram realizadas pelos estudantes do curso PIGEAD: Ana Cristina de Araujo Noguerol, Paulo Gonçalves de Jesus, Raquel Monteiro Alberto Moraes, Rita Barboza Freire e Rosana Sales de Jesus.

Ambientes virtuais: possibilidades e desafios educacionais by Rosa on Scribd

segunda-feira, 3 de outubro de 2016

Uso e reuso de objetos digitais em EAD




CONSTRUINDO UM CAMINHAR, DESVELANDO PARCERIAS: NOVOS PAPEIS DOS ATORES NO PROCESSO ENSINOAPRENDIZAGEM EM EAD


Justificativa

Vivemos um momento em que as relações cumprem determinados protocolos sociais: indivíduos, grupos ou turmas exercem seus papeis, considerados aceitáveis por seus pares, dentro de um determinado ambiente. Entretanto, no mundo virtual, as diversas possibilidades de uso, favorecem a quebra de alguns paradigmas. Atualmente novas formas de ensinar e aprender,acontecem em nossa sociedade. Percebemos que não há fronteira entre o ensinar e aprender nos Ambientes virtuais de Aprendizagem por discentes e docentes.

Objetivo Geral

Refletir sobre os papeis desenvolvidos por docentes e discentes no EAD e os recursos utilizados na dinâmica das diferentes abordagens pedagógicas.

 Objetivos Específicos

Potencializar as discussões sobre os novos modos de relacionar – se no EAD, através da interatividade,coautoria, colaboração, cooperação dos sujeitos na utilização dos recursos tecnológicos.

Estimular o contato com os diferentes recursos tecnológicos, tais como: vídeos, interfaces sociais, fóruns, wiki, etc,levando o aluno a perceber a importância de sua participação no processo de ensinoaprendizagem..

Duração
7 dias